O Município de Anadia vai assinalar o “25 de Abril de 1974” com a realização de várias atividades, em parceria com o CineClub Bairrada e com a Rede de Bibliotecas de Anadia. De entre as várias iniciativas destaca-se um ciclo de cinema, um cine-concerto, com entradas gratuitas, e uma sessão online sobre “O 25 de Abril vivido pelos seniores e contado aos jovens”.

O ciclo de cinema vai decorrer, nos dias 21 e 22, pelas 21 horas, no Cineteatro Anadia, com a projeção de dois filmes: “As Ondas de Abril”, de Lionel Baier, e “Luz Obscura”, de Susana Sousa, respetivamente.

O cine-concerto com a Banda de Música de Anadia tem lugar, no dia 23 de abril, pelas 21 horas, com a participação de Manuel Flores, Rita Silva e José Bigorna.

As entradas são gratuitas, sendo que os bilhetes podem ser levantados no Cineteatro Anadia, nos dias 21 e 22, a partir das 20 horas e, no dia 23, a partir das 14 horas. “Face ao plano de contingência, a lotação está limitada a cinquenta por cento da sua capacidade, cumprindo-se todas as normas de segurança associadas à pandemia de Covid-19. É obrigatório o uso de máscara, higienização das mãos à entrada e respeitar o distanciamento físico”, lê-se num comunicado de imprensa da Autarquia.

No dia 25 de abril, a Rede de Bibliotecas de Anadia apresenta, em formato online, através das plataformas digitais do Município de Anadia (Facebook e Youtube), “O 25 de Abril vivido pelos seniores e contado aos jovens”. A iniciativa decorre na “Sala de Aula do Estado Novo”, recriada no Centro Escolar de Paredes do Bairro, com a participação de uma ex-professora primária, Natália Seabra, de 76 anos, residente em Ancas, e de alunos do 6.º e 9.º anos dos estabelecimentos de ensino do concelho.

“A sessão pretende mostrar aos jovens qual era o contexto do país antes e depois do 25 de Abril, com uma maior incidência no sistema de ensino. No decorrer da mesma, os alunos têm a oportunidade de questionar a convidada sobre diversos temas, desde as condições de vida das famílias, passando pelo ultramar e a guerra colonial, a descolonização até aos retornados, entre outros”, continua o documento, que acrescenta que “na semana de 26 a 30 de abril, o vídeo será apresentado em contexto de sala de aula, nos diversos estabelecimentos de ensino, pelos professores da disciplina de História aos alunos do 6º e 9º anos”.

À semelhança do ano passado, as comemorações oficiais promovidas pela Assembleia e Câmara Municipal voltam a não se realizar por questões de segurança. No dia 25 de abril será transmitido nas redes sociais do Município de Anadia (Facebook) uma mensagem do Presidente da Assembleia Municipal.