Realizou-se no passado dia 12 de fevereiro, na Biblioteca de Cantanhede, a Prova Municipal de seleção para a décima terceira edição do Concurso Nacional de Leitura (2018/2019).

Os alunos participantes realizaram uma prova escrita com base na leitura prévia do livro “O rapaz que ouvia as estrela”, do autor Tim Bowler, recomendado pelo Plano Nacional de Leitura, e ainda mais outras duas, nomeadamente provas de Leitura Expressiva e de Argumentação.

Foram elementos do júri desta Prova Municipal, Isabel Nina, Coordenadora Interconcelhia da Rede de Biblioteca Escolares, João Carlos Cruz, Técnico de Serviço Social e escritor (com o pseudónimo de António Canteiro) e Teresa Paixão, Bibliotecária Municipal.

A sessão contou ainda com a presença de Pedro Cardoso, vice-presidente do Município, com o Pelouro da Educação e da Cultura, que fez questão de “elogiar esta iniciativa que celebra a leitura, a magia, o enorme potencial e valor da literatura, bem como, destacar a importância do concurso para estimular o gosto e os hábitos de leitura, a paixão por ler e melhorar a compreensão leitora”  assim como “sublinhar o papel importantíssimo e inestimável dos docentes e bibliotecárias dos Agrupamentos de Escolas envolvidos, o papel da Biblioteca Pública Municipal e, particularmente, os alunos concorrentes, cuja participação neste concurso mostrou verdadeiro empenho, trabalho e vontade de ir mais além, fazendo de todos deles verdadeiros vencedores”.

Participaram na prova alunos do Agrupamento de Escolas Marquês de Marialva e do Agrupamento de Escolas Lima-de-Faria, tendo conseguido a qualificação para a fase Intermunicipal os estudantes António Seco, Clara Fernandes e Gustavo Moutinho.

A Fase Intermunicipal do Concurso Nacional de Leitura 2019 será acolhida pela Biblioteca Pública Municipal Pedro Fernandes Tomás, na Figueira da Foz, prova terá lugar no dia 6 de abril.

Esta é a décima terceira edição do Concurso Nacional de Leitura que se destina a alunos de todos os níveis de escolaridade e que tem como objetivo central o estímulo do gosto e dos hábitos de leitura e a promoção da compreensão leitora dos participantes.

 

Fonte: Município de Cantanhede