Em dia de testagem dos alunos do 10.º ao 12.º ano, a Escola Básica e Secundária de Anadia recebeu a visita de Inês Ramires, secretária de Estado da Educação. À tarde, a representante do Governo esteve também na inauguração das obras de requalificação da Escola Básica 1 de Mogofores, um investimento da Autarquia que contou com o apoio de fundos comunitários.

Os alunos do 10.º, 11.º e 12.º anos foram durante o dia de ontem testados à covid-19, no âmbito de uma testagem em massa, promovida pelo Agrupamento, para os jovens que regressaram à escola no início desta semana. À comunicação social, Aníbal Marques, diretor do Agrupamento de Escolas de Anadia, explicou que «a testagem tem sido recorrente». «O pessoal docente e não docente já foi todo testado três vezes, até porque, neste período de confinamento, fomos escola de acolhimento», referiu, garantindo que «para a semana voltarão todos novamente a ser testados».

A iniciativa contou com a passagem pelo local da secretária de Estado da Educação, Inês Ramires. A representante do Governo elogiou o trabalho feito no estabelecimento de ensino, enfatizando «o incrível pendor artístico, a educação inclusiva e a importância dada ao sector científico». «O espaço é muito bom, mas o que fazem dele é bem melhor», enalteceu, perante uma comitiva onde esteve também Cristina Oliveira, Delegada Regional do Centro da Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares.

Da parte da tarde, Inês Ramires inaugurou as obras de requalificação e ampliação da EB1 de Mogofores, também no concelho de Anadia. Trata-se de um investimento camarário que ultrapassa os 700 mil euros, sendo 40% desse valor proveniente de fundos comunitários.

«Esta intervenção converteu o edifício existente a sul e a área ocupada pelo campo de jogos numa Escola Básica de 1.º ciclo, com três salas de aula, biblioteca, instalações sanitárias para alunos, professores e funcionários, gabinetes de reuniões, atendimento e trabalho, sala polivalente/refeitório e copa. A obra inclui também espaços de recreio exterior, coberto e descoberto, pavimentado e relvado», lê-se numa nota municipal.

 

Mónica Sofia Lopes