O Conselho Local de Ação Social de Anadia (CLASA) reuniu em plenário, no passado dia 5 de novembro, no auditório do Museu do Vinho Bairrada, tendo dado parecer favorável às alterações referentes ao ano civil de 2020, relativo à candidatura “Anadia Maior”, submetida pela Santa Casa da Misericórdia de Anadia, no âmbito do Contrato Local de Desenvolvimento Social – 4ª Geração (CLDS4G). As alterações têm como principal objetivo a salvaguarda da saúde e a segurança de todos os participantes no projeto.

Tendo em conta as restrições derivadas do Covid-19, algumas das atividades previstas tiveram de ser reduzidas ou mesmo suspensas, dado que não se encontram reunidas as condições para a sua realização neste momento.

Recorde-se que o projeto deveria ter tido o seu início em março, mas devido às contingências do surto pandémico, acabou por começar no passado mês de julho, indo agora para o seu quinto mês de atividade.

A coordenadora do projeto “Anadia Maior”, Catarina Teixeira, deu a conhecer as ações que têm sido desenvolvidas no concelho, em parceria com várias entidades e associações locais, salientando que até ao passado dia 30 de outubro encontravam-se inscritas 88 pessoas.

Sublinhou ainda que todas as atividades cumprem as medidas e orientações da DGS, nomeadamente a higienização das mãos, uso de máscara e o distanciamento físico, a fim de evitar o risco de contágio.

Na ocasião, a vereadora da Câmara Municipal de Anadia, Jennifer Pereira, deu os parabéns à equipa do CLDS que, no seu entender, tem “mostrado dinamismo” e “muita vontade de levar por diante este projeto”.

Adiantou que o Município de Anadia tem “tentado programar e fazer o que é possível”, dentro das suas possibilidades, face às atuais contingências derivadas da pandemia.

A autarca referiu-se ainda a algumas das ações dirigidas ao público sénior, que o Município tem vindo a retomar, designadamente o “Movimento Sénior é Vida”, “Leituras sem Idade” e a “Unidade Móvel de Atendimento de Anadia. “Os idosos precisam de voltar a sentir alguma normalidade dentro desta anormalidade”, afirmou.

O “Anadia Maior” tem como principal objetivo combater a solidão e o isolamento, bem como desenvolver projetos de voluntariado vocacionados para o trabalho com populações envelhecidas e implementar ações socioculturais que promovam o envelhecimento ativo e a autonomia das pessoas idosas.

 

 

Fonte: Município de Anadia