O Conselho Intermunicipal da Comunidade Intermunicipal (CIM) da Região de Coimbra aprovou o lançamento do concurso público da empreitada da EuroVelo 1 – Rota da Costa Atlântica na Região de Coimbra, via ciclável europeia, entre os municípios de Figueira da Foz, Cantanhede e Mira, que integra a rede europeia de ciclovias. Esta obra tem um traçado que aproveitará as estradas florestais e vias cicláveis já existentes, com troços em piso compactado e em piso pavimentado ao longo de 83 quilómetros.

A execução desta empreitada representa um investimento de mais de dois milhões (sendo que um milhão e duzentos mil euros serão cofinanciados pelo Programa Valorizar, do Turismo de Portugal) e contribui para a concretizar o percurso da Eurovelo1 em Portugal.

O projeto, cujo percurso se estende de forma contínua ao longo da Costa Atlântica entre o limite norte do concelho de Mira e o limite sul do concelho da Figueira da Foz, pretende potenciar as características naturais únicas deste território através da perfeita simbiose com a Costa Atlântica e constituir-se-á como uma obra absolutamente estruturante para a valorização turística para a Região de Coimbra. Trata-se de um projeto único e inovador, projetando nacional e internacionalmente este território enquanto destino turístico de excelência de Cycling & Walking e de natureza.

Este projeto, que cruza com outros que a CIM Região de Coimbra tem vindo a desenvolver, pretende ainda promover a conexão ao Portuguese Trails – turismo de natureza, bem como o reconhecimento internacional da marca, conhecimento do território e a valorização dos recursos endógenos.

A execução deste projeto permitirá, no futuro, estabelecer uma ligação ciclável com a Ciclovia do Mondego e com a Ecovia do Mondego de prolongamento da Ecopista do Dão, proporcionando a existência de um eixo estruturante que irá permitir ligação ciclável do litoral ao interior da Região Centro.

 

 

Fonte: Comunidade Intermunicipal da Região de Coimbra

Imagem: MichaelGaida (https://pixabay.com/pt)