Os músicos Tim, Kalú, João Cabeleira e Gui, dos Xutos & Pontapés, plantaram uma árvore na Mata Nacional do Bussaco (Mealhada), passando a ser as mais recentes figuras públicas a integrar o “Trilho dos Famosos”, onde já se encontram diversas espécies arbóreas plantadas, entre outros, por Pedro Abrunhosa, Rui Veloso, Fernando Tordo e Amor Electro. A “árvore Xutos & Pontapés” é um Cedro do Bussaco (Cupressus lusitanica) e pode ser vista na principal avenida da Mata que é Monumento Nacional candidato a Património Mundial da UNESCO.

“Foi um momento emocionante e de grande simbolismo para nós, numa floresta majestosa e lindíssima. É um gesto simbólico, o nosso, é certo, mas se todos, em todo o Mundo, tivéssemos este pequeno gesto, o Planeta não teria os preocupantes problemas que hoje apresenta”, afirmou, no final da plantação, o cantor e baixista da banda, Tim.

Já os presidentes da Câmara Municipal da Mealhada, Rui Marqueiro, e da Fundação Mata do Bussaco (FMB), António Gravato, enalteceram o gesto de Tim, Kalú, João Cabeleira e Gui sobretudo pelo incentivo que, deste modo, dão à sociedade, no sentido da necessidade urgente de ser preservada a floresta em todo o Mundo. “As alterações climáticas são um problema muito grave. Temos de inverter urgentemente esta tendência de destruição do Planeta. Esta árvore dos Xutos & Pontapés representa muito mais do que apenas um novo exemplar arbóreo nesta floresta pública portuguesa. É um sinal de apoio e incentivo a quem diariamente quer fazer deste um Mundo mais verde e, por conseguinte, um Mundo melhor”, afirmou Rui Marqueiro.

Os Xutos & Pontapés plantaram a sua árvore numa área do Bussaco que foi fustigada pela tempestade Leslie (outubro de 2018) e que tem vindo a ser reflorestada com o contributo de uma série de figuras públicas, nomeadamente atrizes, atores, cantores, desportistas, apresentadores de televisão, escritores e autarcas.

A plantação de Tim, Kalú, João Cabeleira e Gui enquadra-se, por isso, no projeto de reflorestação “Criar Raízes” que a FMB tem vindo a desenvolver naquela que é a única floresta pública portuguesa com a certificação FSC (gestão florestal ambientalmente adequada, socialmente benéfica e economicamente viável).

Aurea, Luís Represas, Rui Reininho, Tony Carreira, Fernando Mendes, Fafá de Belém, José Cid, Marco Paulo, Sofia Aparício, Luís de Matos, Maya, José Luís Peixoto, Eládio Clímaco, Dina Aguiar, Isabel Medina, Eduardo Beauté, Paula Magalhães, Carla Andrino, Vozes da Rádio, António Machado, José Pedro Gomes, Micaela, David Antunes e Miguel Araújo foram apenas algumas das figuras públicas que plantaram recentemente árvores no Bussaco.

 

Fonte: Fundação Mata do Bussaco