O Dia Aberto da Escola Profissional Vasconcellos Lebre, na Mealhada, decorreu na passada sexta-feira. Durante a tarde, todos os cursos tiveram atividades a decorrer e a comunidade externa à escola foi convidada a participar.

“Desde o torneio inter-freguesias, a tarefas de gestão, sobre como planear um projeto de investimento, passando por programação de um carro robótico, montagem de hardware, um workshop de fotografia, um programa de rádio, uma pintura mural e terminando com uma sessão de degustação de gastronomia de forno tradicional a lenha, com direito a negalhos, chanfana e pão da Mealhada, nada faltou”, avança, em comunicado, a EPVL que, com a iniciativa “pretendeu convidar a comunidade a entrar na escola e perceber um pouco mais sobre as competências de cada curso, mas também proporcionar um grande momento de partilha e convívio entre os alunos, professores, funcionários, familiares, futuros alunos e toda a comunidade que juntou à escola naquele dia”.

Pela escola passaram futuros alunos e seus familiares, mas também “caras conhecidas” da instituição de ensino, tais como, os antigos diretores da EPVL, João Pega e Nuno Canilho; o vice-presidente da Câmara da Mealhada, Guilherme Duarte, juntamente com a equipa do setor da Educação do Município; João Santos, presidente da Junta da União de Freguesias da Mealhada, Ventosa do Bairro e Antes; Carlos Pinheiro, presidente da mesa da assembleia-geral da Associação Comercial e Industrial da Bairrada e Aguieira; e Maria Silva, Delegada de Saúde na Mealhada.

“Para a comunidade escolar este Dia foi uma aposta ganha na divulgação do espírito que se vive na escola: Porque ser Profissional, Vale (sempre) Mais”, conclui a mesma nota de imprensa.