A proposta dos deputados do PSD, eleitos pelo círculo de Aveiro, de atribuir financiamento do Fundo Ambiental à Fundação Mata do Bussaco, já no próximo ano de 2021, foi aprovada por maioria, “com os votos contra do PS, a abstenção do PAN e do Iniciativa Liberal e os votos a favor do PSD e dos restantes partidos e deputados com assento na Assembleia da República”.

Esta aprovação, e segundo um comunicado do Grupo Parlamentar do PSD, “permitirá à Fundação Mata do Bussaco responder financeiramente aos vários desafios da sua gestão, designadamente a cobertura dos resultados financeiros prejudicados pelo contexto pandémico atual e, sobretudo, suportar os montante das componentes nacionais exigidas nas candidaturas aos fundos de programas como o PDR – Programa de Desenvolvimento Rural ou o Interreg – European Regional Development Fund, o SAMA – Sistema de Apoio à Modernização Administrativa, bem como fazer face às exigências do processo de candidatura a Património Mundial da UNESCO”.