Cláudio Grácio, Cristiana Francisco e Andreia Mendes são três jovens sobreviventes de cancros do sangue que dão o seu testemunho em vídeo e pedem aos portugueses resiliência durante o período de isolamento imposto pela pandemia por COVID-19, deixando também uma mensagem de esperança.

Esta iniciativa da Associação Portuguesa Contra a Leucemia (APCL) tem como objetivo lembrar à população portuguesa que o isolamento por períodos prolongados faz parte da recuperação das pessoas com cancros do sangue, muitas vezes em contexto hospitalar, o que acaba por ser muito mais limitador do que o isolamento social que vivemos nestes dias.

Assim a APCL pede também a todos os portugueses que se mantenham em casa enquanto for necessário e aos doentes com cancros do sangue que não abandonem os seus tratamentos e sigam todas as recomendações dos seus médicos assistentes e das unidades hospitalares onde são acompanhados. A associação recomenda ainda aos doentes que se aconselhem junto das mesmas sobre as formas de acompanhamento, necessidade de consultas e meios de diagnóstico.