Um incêndio num anexo de uma habitação, em Sangalhos, no concelho de Anadia, deflagrou, ao início da manhã de ontem, quinta-feira, 4 de fevereiro. A proprietária da habitação, de 84 anos e única residente na casa, sofreu ferimentos ligeiros.

O alerta foi dado para a corporação dos Bombeiros de Anadia cerca das 7h00. «O incêndio aconteceu nos anexos de uma habitação, um local que continha pilhas de lenha e outros pertencentes», declarou, ao «Bairrada Informação», Bruno Almeida, comandante dos Bombeiros Voluntários de Anadia, referindo-se ao fogo numa habitação unifamiliar, situada na Rua dos Fontanheiros, em Sangalhos.

Foi a proprietária da casa, com 84 anos, e única residente, quem acordou «já com algum barulho decorrente do incêndio». «A senhora ainda terá ido ao anexo retirar uma garrafa de gás para o exterior, mas outra ficou e terá rebentado», acrescentou o comandante Bruno Almeida, garantindo que a proprietária «sofreu ferimentos ligeiros». «Tinha escoriações superficiais num membro inferior, que podem ser o resultado de ter batido com a perna em alguma superfície, e também uma queimadura superficial num ombro por exposição ao calor», sublinhou ainda o comandante Bruno Almeida.

O incêndio ficou circunscrito ao anexo e alpendre da habitação, tendo os Bombeiros de Anadia estado no local com um veículo de combate a incêndios urbanos, um autotanque e dez operacionais. A GNR de Sangalhos tomou conta da ocorrência.

Cerca das 10h30, os Bombeiros de Anadia ainda se encontravam no local na fase de consolidação de rescaldo do incêndio. A proprietária da habitação, ferida ligeira, foi transportada para o Hospital de Águeda.

 

 

Texto de Mónica Sofia Lopes

Imagem com Direitos Reservados