A cidade da Mealhada, um pouco por todo o lado, está repleta de bonecos gigantes alusivos ao Carnaval, num reaproveitamento dos enfeites utilizados, nomeadamente nos carros alegóricos, de edições anteriores. A iniciativa partiu da Associação de Carnaval da Bairrada, que está também a apelar aos moradores e comerciantes da cidade que enfeitem as suas janelas e fachadas.

“A Mealhada vai começar a respirar Carnaval”, afirmou, ao nosso jornal, Paula Gradim, vice-presidente da ACB, referindo-se “aos bonecos que fazem parte da história do Carnaval e que estavam ‘perdidos’ no Barracão (onde se constroem os carros carnavalescos)”.

Para além disso, a equipa diretiva está decidida a imbuir a população neste espírito alusivo ao Carnaval, estando, por isso, a convidar todos os moradores e comerciantes, através de um comunicado, para que decorem as suas casas, lojas e ruas.

Na reunião, realizada na passada quarta-feira, a ACB fez também o balanço do leilão de apadrinhamento das duas bancadas e sete bilheteiras, uma iniciativa inédita no Carnaval da Mealhada, em que as empresas e entidades que assim entenderam tiveram oportunidade de concorrer até à passada sexta-feira. “Foi a forma que arranjamos, em primeiro lugar, de dar uma ‘nova cara’ às bilheteiras já antigas; e, em segundo, de conseguir alguma rentabilidade financeira para a Associação”, explicou Janine de Oliveira, presidente da direção da ACB.

As bancadas têm como padrinhos o restaurante O Castiço e a empresa Measindot. Já as bilheteiras serão distribuídas pelo Pedro dos Leitões, Spot of Brands, Clínica AMC, churrasqueira Rocha, Vossa e Leitão 100% Bairrada. Feitas as contas, no total do leilão, a ACB angariou 3800 euros. “Em 2020 foi o nosso ano zero, mas fazemos um balanço bastante positivo da iniciativa. Estou convencida de que no próximo ano será ainda muito melhor”, enfatiza Janine de Oliveira.

O Carnaval Luso Brasileiro da Bairrada contará como habitualmente com o concurso de escolas de samba, nos mesmos moldes de anos anteriores, estando a avaliação prevista para o domingo, dia 23 de fevereiro, e a divulgação na noite de terça-feira, na Tenda de animação noturna.

Este ano, e conforme o «Bairrada Informação» avançou em novembro passado, a escola de samba Amigos da Tijuca decidiu não vai cooperar com o concurso. “A escola emitiu um manifesto de não cooperação, contudo, serão na mesma avaliados porque é isso que está previsto no protocolo”, explicou a vice-presidente da ACB, adiantando que “os jurados da Tijuca serão da responsabilidade da Associação de Carnaval”.

O concurso tem um painel de vinte e cinco jurados (cinco por cada escola e cinco da ACB), tendo a ACB já tornado público que as suas nomeações recaem sobre Marta Pires, atriz de teatro; Mariana Luís, bailarina profissional; Patrícia Ceia, Design de Moda e Têxtil; Rui Alves, músico; e Ricardo Pedro, maquilhador. “Dada a panóplia de áreas artísticas, que um Carnaval como o nosso envolve, consideramos que o júri tem que ser constituído por pessoas que saibam bem o que estão a avaliar”, enalteceu Janine de Oliveira.

No próximo sábado, a ACB apresentará um “novo” site, onde constará informação dos reis, de como se chegar ao evento, preço dos bilhetes, etc. Na próxima quinta-feira, dia 13 de fevereiro, alguns elementos da direção da ACB estarão na assistência do programa da manhã da SIC, Alô Portugal, das 9h às 10 horas, onde os convidados são os reis do Carnaval da Mealhada 2020, Luciana Abreu e Leonardo Vieira.

 

Carnaval da Mealhada divulga cartaz noturno

A ACB já divulgou também o seu cartaz de animação noturna, que acontece de 21 a 25 de fevereiro.

Na sexta-feira, para além da apresentação do samba-enredo das quatro escolas, subirá ao palco Denise Machado; no dia seguinte, a noite é de Mandacaru; e no domingo do grupo Toque Social.

Na segunda-feira, logo após o desfile noturno, Nuno Bastos atuará pela noite dentro; e no dia 25 dar-se-á a divulgação dos resultados do concurso de escolas de samba, seguindo-se a atuação de Sambado.

Os desfiles carnavalescos, começam já no dia 16 de fevereiro, com a realização do “Carnaval de Palmo e Meio”, um evento a cargo da Câmara Municipal da Mealhada.

 

 

Mónica Sofia Lopes