Mais de meia centena de bailarinas(os) da secção de Ballet do Hóquei Clube da Mealhada receberam, aquando de uma cerimónia realizada recentemente, os diplomas da “Royal Academy of Dance” relativos ao ano letivo 2018/2019. Na sessão foi realçado o facto de todas(os) as(os) candidatas(os) terem recebido a aprovação nos exames da academia inglesa, uma das maiores e mais influentes organizações de ensino e prática de dança do mundo.

Já foi há alguns meses que os candidatos, cinquenta e um no total (cinquenta bailarinas e um bailarino detentor da melhor nota do exame), se propuseram ao exame da “Royal Academy of Dance”, tendo sido avaliados por examinadores internacionais certificados para o efeito. Na semana passada, fechou-se o ciclo do ano letivo 2018/2019 com a entrega dos respetivos diplomas e medalhas.

Na ocasião, Catarina Gomes e Catarina Lemos, professoras de ballet, realçaram o orgulho que sentem pelos(as) bailarinos(as) que integram a referida secção do HCM, “não só pela taxa de 100% de aprovação nos exames, mas também pelo espírito de familiaridade vivido entre professoras, bailarinos(as) e pais”.

E os elogios são corroborados por André Melo, da direção do HCM, que manifestou “orgulho na secção de ballet”, que atualmente “conta com mais de uma centena de bailarinas/os”. Para além disso, o dirigente, acompanhado de Luís Vigário, também membro da direção, recordou a versatilidade do clube, “que engloba modalidades tão diversas como o hóquei em patins, a patinagem artística, o karaté e o ballet”, exaltando ainda a característica eclética do mesmo.

A cerimónia serviu também a atribuição de alguns prémios individuais, nomeadamente, a assiduidade, galardão recebido por Sofia Clemêncio e Clara Silva; o de maior evolução foi para Margarida Branco; e o de melhor nota para José Miguel Pimenta Filipe.

O evento, que contou com a presença de Guilherme Duarte, vice-presidente da Câmara da Mealhada, terminou com um videoclipe dos bastidores do espetáculo “The Oscars” que a secção de Ballet levou a cena em junho nos palcos do Teatro Académico Gil Vicente e Cineteatro Messias, e que está já disponível em DVD.

 

 

Texto adaptado por Mónica Sofia Lopes

Fotografias com Direitos Reservados