O Município de Cantanhede acaba de ser distinguido com a marca de Entidade Empregadora Inclusiva atribuída pelo Instituto de Emprego e Formação Profissional, nos termos do Programa de Emprego e Apoio à Qualificação das Pessoas com Deficiência e Incapacidade, cujo objetivo é “promover o reconhecimento e distinção pública de práticas de gestão abertas e inclusivas, desenvolvidas por entidades empregadoras, relativamente às pessoas com deficiência e incapacidade”.

O mérito da autarquia cantanhedense a este nível é reconhecido a partir da avaliação de vários parâmetros, entre os quais o número de trabalhadores com deficiência e incapacidade, e a sua valorização através de oportunidades para a sua progressão profissional nos últimos dois anos.

Por outro lado, a autarquia implementou ações de ajustamento das condições de trabalho, nomeadamente através da adaptação dos meios e equipamentos, bem como da alteração de equipas de trabalho ou das suas tarefas e reorganização dos processos de trabalho dos trabalhadores que apresentavam problemas de saúde. Além disso, os equipamentos e softwares permitem adaptações para os utilizadores com limitações motoras, baixa visão ou cegueira e deficiência auditiva, enquanto os espaços de trabalho das pessoas com deficiência e os espaços comuns são acessíveis. E também no que diz respeito aos espaços de atendimento público existem condições de acessibilidade em conformidade com as normas técnicas definidas para os portadores de deficiência que necessitam da prestação de serviços diferenciados.

Na atribuição da marca de Entidade Empregadora Inclusiva ao Município de Cantanhede foram considerados também os protocolos que mantém com entidades de reabilitação tendo em vista a realização de atividades ocupacionais por pessoas com deficiência e incapacidade, possibilitando-lhes oportunidades de vida num ambiente inclusivo e o desenvolvimento das suas competências pessoais e profissionais.

Outro dos aspectos tidos em conta foi o envolvimento da autarquia em parcerias e em projetos locais destinados ao desenvolvimento das qualificações e a inclusão ativa das pessoas com deficiência e incapacidade.

Juntamente com o Município de Cantanhede foram distinguidos com a marca de Entidade Empregadora Inclusiva – 2019, 28 instituições, entre as quais, onze autarquias, a Universidade de Aveiro, Instituto Politécnico de Santarém, a Santa Casa da Misericórdia do Porto e de Almada.

 

 

Fonte: Município de Cantanhede