A obra do Mercado da Pampilhosa está a decorrer a bom ritmo. Foi concluída a fase de estruturas e vai iniciar-se, em breve, a fase de acabamentos de finos. A obra começa a desvendar o novo mercado, que resulta da comunhão de estruturas totalmente novas com o aproveitamento de algumas já existentes.

É todo um novo mercado aquele que vai surgir na Pampilhosa. Vendedores e clientes ficarão surpreendidos com a modernidade e funcionalidade da nova estrutura, mas reconhecerão o “seu mercado” pela traça e algumas das suas características distintivas.

Concluída a fase de estruturas, a obra entrará em fase acabamentos de finos. Orçado em novecentos e cinquenta e um mil euros, o mercado divide-se em dois pisos, funcionando o núcleo central ao nível do rés-do-chão. Ali existirão as bancas do mercado, dezoito lojas, oito apoios de loja, áreas técnicas e gabinetes de apoio ao mercado, instalações sanitárias, dois espaços polivalentes, elevador, arrumos e uma moradia unifamiliar de habitação do guarda do mercado. O segundo andar é composto pelo varandim, dois espaços polivalentes e arrumos.

A intervenção inclui também toda a envolvente ao Mercado, com o alargamento das áreas de estacionamento, uma solução que foi possibilitada devido à aquisição, por parte da Câmara Municipal da Mealhada, de um terreno nas imediações.

 

Fonte: Município da Mealhada

 

NOTA: Em reunião ordinária da Câmara da Mealhada, realizada na manhã de 16 de julho, Sónia Branquinho, da coligação “Juntos pelo Concelho da Mealhada”, questionou Rui Marqueiro, presidente da autarquia, sobre como eram selecionados os contratos para utilização dos espaços. O edil deu conta de que serão efetuados em hasta pública.