O ano letivo 2018/19  foi “bastante positivo” ao nível do aproveitamento dos alunos, quer no Agrupamento de Escolas da Mealhada, quer na Escola Profissional Vasconcellos Lebre (EPVL). Os resultados foram apresentados em reunião do Conselho Municipal de Educação.

Apesar dos constrangimentos na ocupação dos espaços na Escola Básica 2,3 da Mealhada e da dificuldade acrescida na gestão de pessoal, devido às obras na Escola Secundáriada Mealhada, Fernando Trindade, diretor do Agrupamento de Escolas, referiu que a nível global os resultados foram melhores do que no ano letivo anterior, já que a taxa de sucesso, este ano, foi superior ao anterior, nos diferentes níveis de escolaridade. O mesmo foi referido relativamente à EPVL, onde a taxa de aprovação ultrapassou os setenta por cento.

Já a pensar no próximo ano letivo, foi apresentado – e mereceu parecer favorável, por unanimidade – o Plano de Transportes, enquadrado no decreto de lei 21/2019, documento que foi aprovado, por unanimidade, pelo Executivo Municipal.

Uma das novidades para 2019/2020 é a possibilidade de vir a ser criado um Centro Qualifica na Mealhada, a funcionar na Escola Profissional Vasconcellos Lebre. A proposta de candidatura foi apresentada  e mereceu também o parecer favorável do Conselho, já que, atualmente, não existe no município este tipo de resposta.

Os Centros Qualifica (CQ) são centros especializados em qualificação de adultos que têm como objetivo melhorar os níveis de qualificação da população e de empregabilidade dos indivíduos.

 

Fonte: Município da Mealhada