O concelho da Mealhada tem sido alvo, nos últimos dias, de atos de vandalismo em diversos locais. A Câmara da Mealhada tem utilizado as redes sociais para tornar público o seu repúdio pela situação e o capitão Cláudio Lopes, comandante do Destacamento Territorial de Anadia da GNR, confirmou, ao nosso jornal, que foram formalizadas duas queixas, uma referente ao Estádio Municipal da Mealhada e outra, na passada terça-feira, que visa as pinturas feitas na paragem de autocarro no Luso e na Escola da Lameira de São Pedro.

Depois da entrada do Estádio Municipal da Mealhada ter sido vandalizada, na madrugada do passado sábado, com recurso a pedras, o que resultou em diversos vidros partidos; na madrugada desta segunda-feira, 2 de Agosto, o vandalismo chegou ao Parque de Estacionamento de Vale de Castanheiros, situado à entrada da vila de Luso, uma obra que ainda nem foi aberta ao público. No local, «a caixa de contadores (luz, água, etc.) foi danificada», avança a Autarquia, dona da empreitada, que lamenta o sucedido e «espera que os autores do crime, que já está a ser investigado pela GNR, sejam identificados e exemplarmente punidos».

Também na manhã de terça-feira, o Luso «acordou» com uma nova «surpresa», tendo desta feita o(s) autor(es) pintado as paredes da antiga Escola da Lameira de São Pedro, situada à beira da Estrada Nacional 234, bem como a paragem de autocarros na Avenida Emídio Navarro, no centro de vila de Luso.

«A todos os fregueses pedimos que nos façam chegar – à Junta ou à GNR -, eventuais informações que possam ter sobre o(s) autor(es) das pinturas nocturnas», apelou também o executivo da Junta de Freguesia de Luso.

Na cidade da Mealhada, concretamente no Parque da Cidade, também na madrugada de ontem, 3 de agosto, foi destruída «uma pequena placa» que assinalava a passagem do músico Tim, do Xutos & Pontapés, por aquele local, onde em Maio passado plantou uma árvore, em prol de um projecto de reflorestação promovido pela Autarquia da Mealhada.

 

Texto de Mónica Sofia Lopes

Imagem com Direitos Reservados