A Gala Desportiva do Município da Mealhada, que se realiza dia 29 de janeiro, pretende reconhecer o trabalho realizado no concelho em prol do desporto, premiando aqueles que ao longo da sua vida e, sobretudo, em cada ano, contribuíram para o seu desenvolvimento. Apresentamos hoje os nomeados para as categorias de Equipa do Ano – Infantis B do GDM, Sub15 do HCM e Seniores Futsal do Futebol Clube de Barcouço – e Atleta do Ano – João Pereira, Clube Desportivo de S. Salvador do Campo; Dara Marques, Sociedade Columbófila Cantanhedense; e Marcelo Santos Paulo, da Associação Olhar 21.

A equipa de Infantis B do Grupo Desportivo da Mealhada obteve o 1.º lugar na fase premium sul e o 4.º lugar no campeonato distrital; a equipa de sub15 do Hóquei Clube da Mealhada conseguiu o 3.º lugar no Campeonato Regional de Aveiro e o 8.º no Campeonato Nacional Zona Norte; e a equipa de futsal do Futebol Clube Barcouço alcançou o 3.º lugar no Campeonato Grande Hotel de Luso, que só ficou decidido na última jornada.

João Pereira é atleta do Clube Desportivo de S. Salvador do Campo e foi campeão nacional de Meia Maratona no escalão M45; campeão nacional 10 Km em M45; medalha de Bronze no Campeonato Nacional Cross Longo (Corta Mato) em M45; e sétimo classificado, com um tempo de duas horas, vinte e nove minutos e cinquenta segundos, na Maratona de Sevilha, em M45.

Dara Marques, da Sociedade Columbófila Cantanhedense, foi campeã nacional de Show e Precisão, na categoria de júnior, em Patinagem Artística, o que a levou a representar o país no campeonato europeu. Foi a primeira atleta da ASSSCC a realizar uma prova de Solo Dance.

Marcelo Santos Paulo, da Associação Olhar 21, conquistou, em Natação Adaptada, o bronze nacional na categoria S6 nos 50 metros livres. Foi Campeão Regional nos 50 metros livres, 50 metros mariposa e 100 metros livres.

 

Evento acontece na noite da próxima segunda-feira

Recordamos que a 16.ª edição da Gala Desportiva do Município da Mealhada realiza-se na próxima segunda-feira, dia 29 de janeiro, no Cineteatro Messias.  Nas diversas categorias, estão nomeados jovens, atletas mais velhos, treinadores, dirigentes e clubes de modalidades tão distintas como futsal, ténis, karaté, natação, futebol, rugby ou patinagem artística.

Será uma noite dedicada ao mundo desportivo do concelho da Mealhada, que vê reconhecido o trabalho realizado em prol do desporto no último ano. Atletas e dirigentes serão chamados ao palco para serem distinguidos em cada uma das categorias: Atleta do Ano, Revelação do Ano, Dirigente do Ano, Treinador do Ano, Associação Desportiva do Ano, Equipa do Ano e Prémio de Mérito Desportivo, prémios atribuídos mediante candidatura e eleição do júri, que foram serem reveladas na última semana pelo nosso jornal. A estas categorias juntam-se ainda outras quatro: Alto Prestígio, Prémio Incentivo e Prémio Dedicação e Prémio Carreira, de atribuição direta e que homenageiam contributos de uma vida ao serviço do desporto.

Os nomeados são das mais diversificadas modalidades e clubes, incluindo clubes não sediados no Município, mas onde competem atletas mealhadenses. Para a Equipa do Ano estão nomeados o Grupo Desportivo da Mealhada (futebol), o Hóquei Clube da Mealhada (hóquei) e o Futebol Clube Barcouço (futsal). A categoria “Associação Desportiva do Ano” será disputada pelo Luso Ténis Clube, pela Associação Trilhos Luso Bussaco e pelo Centro Recreativo de Antes.

Na corrida a “Dirigente do Ano”, estão Palmira Taborda (Hóquei Clube Mealhada), Gonçalo Dias (Centro Recreativo de Antes) e Rui Moura (Clube Desportivo de Luso). Os treinadores nomeados nesta edição são: Rafaela Frade e Bruna Jorge (Hóquei Clube da Mealhada), Gonçalo Marques (Núcleo Karaté Pampilhosa) e Joana Almeida (Luso Ténis Clube).

No que se refere a atletas, são duas as categorias: Atleta do Ano e Revelação do Ano. Na corrida a Revelação do Ano estão Maria João Cunha (ténis), Maria Helena Ferreira (rugby) e Dinis Ventura (futebol). Para Atleta do Ano, competem João Pereira (atletismo), Dara Marques (patinagem artística) e Marcelo Santos Paulo (natação).

No que se refere ao mérito desportivo, categoria que premeia dirigentes, treinadores, atletas ou equipas do concelho de Mealhada que, em 2023, tiveram resultados relevantes em provas de âmbito nacional ou internacional, ou que participaram em seleções nacionais, serão distinguidos: Dara Marques, Eduardo Cunha, Maria Filipa Fernandes, André Mendes, João Pedro Alegre, Pedro Ferreira, Paulo Cristina, Pedro Pereira, Nuno Santos, Paulo Yuldashev, Tiago Pimentão, Anita Ferreira, Matilde Castro, Matilde Neves, Gil Ferreira, Mário José Cerveira, Rui Pedro, Tiago Estarreja, Matias Barreto, Tomás Duarte de Almeida, Leonel Pereira, Luis Rosas, Maria Helena Ferreira, Rui de Carvalho Duarte, Dinis Abreu, Tiago Sousa e Fabiana Duarte.

As categorias Alto Prestígio, Prémio Incentivo e Prémio Dedicação e Prémio Carreira são de atribuição direta na própria Gala.

Os finalistas e vencedores são encontrados mediante candidatura e avaliação de um júri independente, nesta edição, constituído por Mónica Sofia Lopes, licenciada em Ciências de Informação, jornalista, diretora do jornal online Bairrada Informação e correspondente do Diário de Coimbra; Miguel Midões, doutorado em Ciências da Comunicação, professor adjunto na Escola Superior de Educação de Viseu e professor auxiliar convidado na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra; e Paula Gradim,  licenciada em Radiologia e em Medicina Tradicional Chinesa pela Universidade de Chengdu (China), diretora clínica e executiva da Clínica Naturalmed e fundadora da Associação Humanitária Gongô.

A Gala Desportiva do Município da Mealhada realiza-se há 16 anos (com interrupção apenas devido à pandemia), com o objetivo de reconhecer o trabalho realizado no concelho em prol do desporto, premiando aqueles que em cada ano e ao longo da sua vida contribuíram para o seu desenvolvimento.

“É um momento de encontro entre os diversos protagonistas do mundo desportivo municipal. E com protagonistas refiro-me aos atletas, mas também a todos os que trabalham no apoio aos mesmos, sejam dirigentes e funcionários de clubes ou mesmo pais e familiares que se empenham para que o desporto consiga ser uma componente na vida das pessoas, seja na formação, seja na promoção da vida ativa”, sublinha Ricardo Santos, vereador do Desporto da Câmara da Mealhada.