A Comunidade Intermunicipal (CIM) da Região de Coimbra realizou, ontem, 31 de janeiro, a primeira reunião de instalação da Comissão Sub-Regional de Gestão Integrada de Fogos Rurais (CSRGIFR- Região de Coimbra) no Convento São Francisco, em Coimbra.

A referida comissão encontra-se prevista no novo Sistema de Gestão Integrada de Fogos Rurais, publicado em Diário da República no passado mês de outubro de 2021, e visa promover a implementação de uma parte relevante das reformas estruturais na área da gestão dos fogos rurais.

“Durante a reunião foi aprovado o regulamento de funcionamento da Comissão Sub-Regional, abordado o projeto de videovigilância florestal, apresentada a previsão de execução de faixas de gestão de combustíveis no ano de 2022 pelas entidades competentes e discutidas as ações de sensibilização a desenvolver no presente ano em toda a Região”, lê-se num comunicado de imprensa da CIM Região de Coimbra, que acrescenta que “a CSRGIFR- Região de Coimbra é constituída por cerca de 40 entidades públicas e privadas que irão contribuir nos próximos anos para a resolução dos problemas e desafios relacionados com incêndios rurais ao nível da sub-região, competindo-lhes aprovar, monitorizar e avaliar o programa sub-regional de ação; dar parecer, monitorizar e avaliar os programas municipais de execução; e promover o cumprimento da estratégia de comunicação pública”.