(Reportagem de Mónica Sofia Lopes publicada a 23 de maio de 2017)

São crianças e jovens, mas aprendem as teorias e práticas como se de um Bombeiro “a sério” se tratasse. Fazem da Escola de Infantes e Cadetes uma “prática” semanal e anseiam atingir a idade que os permita ser Bombeiros Voluntários, neste caso concreto na corporação da Pampilhosa.

 

https://www.bairradainformacao.pt/2017/05/23/quando-ser-bombeiro-a-brincar-e-levado-muito-a-serio/