Um grupo de amigos dos Bombeiros Voluntários da Mealhada, em conjunto com a direção, o comando e o corpo ativo da corporação, cantou as janeiras de 26 a 30 de dezembro e de 2 a 6 de janeiro por algumas localidades do concelho da Mealhada, com o objetivo de angariar fundos para os soldados da paz. O pecúlio angariado superou as expetativas e chegou aos cinco mil e duzentos euros.

Nas povoações de Póvoa do Garção e Arinhos, por onde começou o périplo, o montante angariado foi de 1018,67 euros. Já em Ventosa do Bairro conseguiram arrecadar-se 1.540,18 euros. No Travasso o valor recolhido foi de 153,18 euros e na Antes foi de 810,67 euros. A campanha das Janeiras deste ano terminou com a volta pelo Reconco, São Romão e Póvoa da Mealhada e rendeu 1.537,52 euros.

A direção dos Bombeiros Voluntários da Mealhada agradece pública e penhoradamente ao grupo de amigos que “com alegria, resistência, devoção e amizade” promoveu esta iniciativa. Nuno Castela Canilho, presidente dos Bombeiros da Mealhada, afirmou: “Tratou-se de uma iniciativa de um pequeno grupo de pessoas que nos sugeriu a ação, que tratou de se organizar, de convidar o Alfredo Santos para animar com o acordeão, que ensaiou e que de repente já ultrapassava a dezena e meia e que com alegria nos prestou este serviço”. “Estamos muito gratos por tudo o que fizeram pelos bombeiros”, diz o presidente, que acrescenta: “Houve dias muito difíceis, com a chuva e o frio a testar a resistência dos mais devotos!”.

O agradecimento do presidente dos Bombeiros da Mealhada estende-se ainda aos bombeiros que participaram na campanha e, naturalmente, de uma forma muito especial aos que contribuíram com o seu donativo nesta ocasião. “O montante arrecadado será especialmente investido em material de proteção individual dos bombeiros da Mealhada”, garante a direção.

 

Fonte: Bombeiros da Mealhada