João Miguel Silva, de 18 anos, natural e residente na Freguesia de Luso, foi eleito, no passado dia 4 de novembro, presidente da Juventude Socialista da Mealhada, para o biénio 2017-2019.

O jovem, estudante de Enfermagem na Escola Superior de Enfermagem de Coimbra, que é membro da Associação de Jovens Cristãos de Luso e do Grupo Regional da Pampilhosa do Botão, liderou movimentos solidários após os incêndios de 2016 no Luso e de 2017 em Mortágua e Santa Comba Dão, onde participou na organização de vários eventos recreativos na Freguesia de Luso e interveio em diversas ações de voluntariado, encabeçou uma lista à liderança da JS Mealhada, a única a apresentar-se ao sufrágio.

O ato eleitoral decorreu para os três órgãos concelhios – Secretariado Concelhio, Mesa da Assembleia da Concelhia e Representantes da JS na Comissão Política do PS Mealhada – e obteve uma larga participação, reunindo a unanimidade dos votos.

Assim, no Secretariado Concelhio, a estrutura diretiva da JS Mealhada, ao lado de João Miguel Silva, estão os seguintes vogais: Rúben Fernandes, Andreia Martins, Ana Lúcia Mendes, Paulo Ramos, Oleksandra Zabolotnya, Maria João Santos, Luís Sá Pereira e Fabiana Vicente.

Na Mesa da Assembleia da Concelhia, Gonçalo Santos é o presidente e Andreia André e André Andrade são os secretários.

Por último, os representantes da JS na Comissão Política do PS Mealhada são João Miguel Silva, por inerência, Joana Sá Pereira, Gonçalo Santos, Andreia Martins, Rúben Fernandes, Ana Lúcia Mendes e Oleksandra Zabolotnya.

Declarações do presidente eleito na JS da Mealhada, João Miguel Silva:

“Realizaram-se ontem as eleições internas da Juventude Socialista Mealhada, tendo sido eleito presidente desta estrutura.21951092_651165065078515_4550645434612761302_o

Foram eleitos os órgãos Secretariado Concelhio, Mesa da Assembleia e Representantes na CPC do PS Mealhada, numa lista de continuidade com uma equipa que tem já provas dadas no trabalho local e regional desenvolvido.

Por acreditar que os jovens devem ser os principais agentes impulsionadores da participação política, por entender que é nosso dever dar o nosso contributo para que o concelho da Mealhada melhore e evolua, integro uma equipa de gente motivada em querer dar um pouco de si à nossa geração e à nossa comunidade.

Iniciamos, agora, um novo ciclo de ação política centrada em áreas capitais para os jovens. Assumiremos importantes prioridades e incentivaremos a discussão de matérias que entendemos importantes. Nas áreas da Educação, do Ambiente, do Desporto, da Mobilidade, do Emprego da Qualidade de vida, entre tantas outras, contarão sempre com uma Juventude Socialista da Mealhada presente!

Somos hoje uma estrutura altamente respeitada, seja diante o PS Mealhada seja diante a Federação de Aveiro da Juventude Socialista. Isto só foi possível por mérito de muitos camaradas da JS Mealhada que contribuíram de forma altamente empenhada e responsável na intransigente defesa da nossa geração!

À presidente cessante, Joana Sá Pereira, quero deixar o meu público reconhecimento pelo extraordinário trabalho à frente da Juventude Socialista da Mealhada e a confiança que em mim depositou para continuar a liderar esta grande estrutura. Contarás sempre connosco para os teus desafios futuros.

O nosso compromisso é fazer da Juventude Socialista da Mealhada uma ca(u)sa de Futuro, de Esperança, de Progresso, respeitando sempre os princípios da Democracia, da Liberdade, da Igualdade e da Fraternidade.

Só juntos conseguiremos construir um concelho melhor, onde a nossa geração tem obrigação de marcar pela diferença!”.

 

Comunicado da Juventude Socialista na Mealhada

Legenda da fotografia de capa: Joana Sá Pereira, Oleksandra Zabolotnya, Gonçalo Santos, Ana Lúcia Mendes, João Miguel Silva, Rui César, Rúben Fernandes e Andreia Martins