A cidade de Anadia pode vir a ter um Centro Nacional de Investigação de Espumantes. Uma pretensão da Comissão Vitivinícola da Bairrada e da Câmara Municipal que, ao final da tarde de 8 de Setembro, aquando da inauguração do “BAIRRADA Vinhos & Sabores 2017”, no Velódromo Nacional – Centro de Alto Rendimento de Sangalhos, foi relembrada na presença do secretário de Estado da Juventude e do Desporto.

“Estamos focados no enoturismo e em fazer um ‘rebranding’ (uma mudança) à marca Bairrada. Temos que ser o promotor e a alavanca dos espumantes nacionais”, disse Pedro Soares, da Comissão Vitivinícola da Bairrada, referindo-se concretamente a um “Centro Nacional de Investigação de Espumante”. “Temos o trabalho feito desde 2016, numa parceria com o Biocant (em Cantanhede) e muitas entidades privadas”, acrescentou o presidente da Comissão, que pretende, com este projeto, já apresentado ao Ministério da Agricultura, aproveitar os edifícios da Estação Vitivinícola da Bairrada.

“A Bairrada tem vindo a mudar, nos últimos anos, para melhor e isso deve-se ao trabalho dos produtores. Nós apenas ajudamos a criar este tipo de sinergias”, disse ainda Pedro Soares, elogiando o evento, que conta “com um nível cada vez mais elevado de organização e onde se encontra o melhor da Bairrada”.

“De 2014 para 2015 a procura pela região da Bairrada aumentou 17%”

E Adriana Rodrigues, representante da Turismo Centro de Portugal, não tem dúvidas da importância da iniciativa. “A ligação entre o vinho e o turismo tem vindo a crescer no centro de Portugal, sendo que é também aqui que está concentrada trinta e sete por cento da área vinícola do país”, declarou Adriana Rodrigues, enfatizando também os números crescentes na região da Bairrada: “De 2014 para 2015 a procura por esta região aumentou dezassete por cento”.

“Se por um lado, o enoturismo tem a capacidade de combater a sazonalidade, por outro, os turistas começam a procurar bem mais do que apenas o sol e o mar”, continuou a representante da Turismo Centro de Portugal, exemplificando: “Os turistas querem visitar adegas, caves e vindimas. Querem estar em cursos de vinhos e em provas dos produtos regionais”. “Na região Centro, o vinho é um fator que leva a conhecer o património cultural, religioso, etc.”, disse ainda.

O “BAIRRADA Vinhos & Sabores 2017” tem as portas abertas até domingo, dia 10 de setembro, e quem visitar o Velódromo pode ali ver reunidos dezenas de expositores de produtores de vinhos e produtos gastronómicos da Bairrada e ainda um das Terras de Sicó. As entradas são gratuitas e pode ser adquirido um copo (para as provas), por três euros (com desconto de um euro a quem apresentar convite).

“Este evento tem um futuro promissor, mas também competitivo, como também acontece com os nossos produtores que lidam com uma área onde não faltam concursos, títulos e promoções”, afirmou Teresa Cardoso, presidente da Câmara de Anadia, elogiando o espaço onde o evento se realiza: “Estarmos numa infraestrutura desportiva e isto demonstra a polivalência e qualidade deste equipamento”.

A edil, como sempre faz na presença de representantes do Governo, relembrou a João Paulo Rebelo “a necessidade de Anadia ter um nó de acesso à Auto-estrada”. “Espero que o futuro seja promissor, até porque há muitos anos o reivindicamos”, apelou.

Um “recado” que o secretário de Estado da Juventude e do Desporto garantiu “ter tomado nota”, elogiando, de seguida, “a excelência e inovação dos produtos da região”. “Estes são projetos bem sucedidos”, referiu ainda.

 

Galeria de fotografias em https://www.facebook.com/bairradainformacao/