As Marchas Populares sairam à rua, na tarde de 27 de junho, no coração da cidade da Mealhada. As Instituições Particulares de Solidariedade Social juntaram-se assim, mais uma vez, no 13.º Encontro Interinstitucional da Rede Social da Mealhada. “Este é um momento muito importante para os utentes das IPSS. Lembra-lhes as vivências do passado”, declarou, ao «Bairrada Informação», Arminda Martins, vereadora na autarquia e responsável pelo pelouro da Ação Social.DSC03191

A participarem na iniciativa, aberta ao público e gratuita, estiveram a Associação Desportiva Cultural e Recreativa de Antes; Associação Jovens Cristãos de Luso; Casa do Povo da Vacariça; Casa da Criança D. Maria do Resgate Salazar – Fundação Bissaya Barreto; Centro de Assistência Paroquial da Pampilhosa; Centro Social Comendador Melo Pimenta; Centro Paroquial de Solidariedade Social de Ventosa do Bairro; Centro Social da Freguesia de Casal Comba; Jardim de Infância Dr.ª Odete Isabel; Jardim de Infância de Sant’Ana; Santa Casa da Misericórdia da Mealhada; Associação CADES – Cooperação Artística, Desportiva, Educativa e Social; Centro de Santo Amaro – Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental Anadia e Centro Social Melo Pimenta.

O encontro interinstitucional contou ainda com o apoio dos Bombeiros da Mealhada, Bombeiros da Pampilhosa, Cruz Vermelha – Delegação da Mealhada, Associação Recreativa de Ventosa do Bairro, o Rancho Infantil de Ventosa do Bairro, Guarda Nacional Republicana, Sociedade de Água do Luso, e comércio local.