Mais de três dezenas de fotografias de “Gentes da Beira” estão patentes ao público na Biblioteca Municipal de Cantanhede, até dia 30 de junho. São imagens da autoria de António Supico, que num registo a preto e branco mostra a expressão de rostos marcantes e a essência de cenas do quotidiano em vários contextos.

Para além dos registos fotográficos, o autor apresenta ainda algumas peças da sua coleção pessoal, designadamente vinte e sete brinquedos artesanais e cinco instrumentos musicais por si elaborados a partir de madeiras recicladas.

António José Nunes Supico nasceu em 1954, no Fundão, onde passou a infância e fez o percurso escolar até os estudos à frequência do Instituto Politécnico da Covilhã, atual Universidade da Beira Interior. Em 1976, enveredou pela carreira docente dos segundo e terceiro ciclos, como professor de Educação Visual e Tecnológica, tendo publicado regularmente livros escolares vocacionados para a sua área de ensino.

António Supico dedicou sempre algum do seu tempo livre ao teatro (como ator e na construção de cenários), à rádio, à música, ao vídeo, às artes manuais e à fotografia, procurando, nas escolas onde tem leccionado, dinamizar clubes e ateliês relacionados com as referidas áreas.

O interesse pelos costumes e tradições do povo da Beira Interior levaram-no a eleger a fotografia como primordial forma de transmissão plástica dos valores a que estreitamente se vincula. Nas últimas décadas, tem recolhido um vasto património fotográfico, extensivo a todas as freguesias do concelho e particularmente ao Fundão. Os seus trabalhos foram apresentados em diversas exposições de fotografia (individuais e/ou coletivas) e desenvolveu atividades de formação na qualidade de formando e também como formador, nesta área.

Colaborou ainda, como sócio fundador, na criação da ESTE – Estação Teatral e participou na fundação da Ocaia – Associação de Artes e Saberes Tradicionais e o Homem do Saco – Associação de Artes Tradicionais, tendo ainda integrado os grupos musicais Anafaia e Antígona Ensemble.

Em 2012, expôs na galeria do Parlamento Europeu, em Bruxelas a exposição “Gentes da Beira”, que um ano depois viria a ser editado em livro juntamente com o CD da obra musical “Suite Fotográfica”, composta pelo maestro Luís Cipriano.

 

Fonte: Câmara Municipal de Cantanhede