A Câmara da Mealhada aprovou, em reunião do executivo municipal, que se realizou a 6 de março, a adjudicação da empreitada de reabilitação do Mercado da Pampilhosa.

Assim, o executivo aprovou a adjudicação da empreita à empresa que apresentou o valor mais baixo no concurso público, a Construções Marvoense, pelo preço de novecentos e cinquenta e um mil euros. “A obra vai transformar o atual Mercado da Pampilhosa numa infraestrutura moderna, funcional e com todos os parâmetros de higiene e salubridade. O projeto prevê uma remodelação na íntegra, havendo, no entanto, estruturas que serão mantidas e melhoradas. A fachada original será salvaguardada e toda a MERCADO PAMPILHOSA2construção procura ser harmoniosa para com o edificado envolvente”, lê-se num comunicado de imprensa da Câmara da Mealhada.

O mercado será um edifício com dois pisos, funcionando o núcleo central ao nível do rés-do-chão. Ali existirão as bancas do mercado, dezoito lojas, oito apoios de loja, áreas técnicas e gabinetes de apoio ao mercado, instalações sanitárias, dois espaços polivalentes, elevador, arrumos e uma moradia unifamiliar de habitação do guarda do mercado. O segundo andar é composto pelo varandim, dois espaços polivalentes e arrumos.

A envolvente foi pensada de forma a garantir áreas superiores para peões e automóveis, integrando uma nova área de estacionamento, possibilitada pela aquisição, por parte da Câmara, de um terreno no local.